Lima Peru

Dicas de Lima – A modernização sem perder a tradição.

Dicas de Lima
Escrito por Antonio JR

Dicas de Lima – A modernização de uma cidade que não perde a tradição.

A cidade e seus atrativos.

Dicas de Lima – Lima é uma cidade de contrastes, mais de sete milhões de habitantes e uma diferença social vista na movimentação das pessoas no dia-a-dia. Podemos encontrar em seu centro histórico, símbolos de sua velha e nobre tradição, o qual foi declarado pela UNESCO como Patrimônio Cultural da Humanidade. Lima conserva os seus conventos e grandes casas coloniais assim como vários outros pontos de visitação. Lima é rodeada de monumentos, casarões, praças e ruas, além de possuir vários outros pontos turísticos como, por exemplo, o shopping Larcomar e também a praça dos namorados, no bairro tradicional de Miraflores, parte mais moderna da cidade.

Dicas de Lima

Bairro Miraflores

Dicas de Lima

Vista do Oceano Pacífico

A movimentação diária das pessoas e dos automóveis faz de Lima uma cidade barulhenta e caótica. Mas isso não a deixa menos interessante pra quem está somente de passagem. É até interessante por alguns minutos observar como os moradores lidam com toda essa confusão. Como toda grande cidade de países menos desenvolvidos, Lima também tem uma violência exacerbada. Cuidado ao andar pelas ruas! Deixem seus pertences bem guardados e observem sempre o que está “rolando” a sua volta. Em minha visita a Lima, minha máquina fotográfica acabou ficando por lá. Em um momento de distração dentro de uma loja de departamento, acabei ficando sem ela.

Para ir ao Peru, não necessita de passaporte e visto. Basta um RG recente que fica permitida a entrada de brasileiros.

E o dinero?

A moeda do Peru é o “novo sol”, na segunda metade de junho de 2009, período da viagem, optei por fazer todas as transações via saque em bancos ou caixas eletrônicos. A média para toda a viagem ficou em S/. 1,46 (um sol e quarenta e seis cents) para cada R$ 1,00 (um real) trocado (observar o câmbio sempre no momento da viagem). Nas casas de câmbio ou nas ruas com cambistas o maior valor encontrado, e único, diga-se de passagem, foi S/. 1,35 para cada R$ 1,00. Geralmente pagam-se S/. 1,15 soles por cada real e ainda nos chegaram a oferecer a incrível relação de 1 pra 1. Atualmente, com o aumento do IOF para débitos esta conta fica mais justa e deve ser verificada mais próximo à viagem.

Como usar e qual transporte?

Em Lima ou em qualquer outro lugar do Peru os táxis são bem baratos. Mas existem diversos tipos de táxis. Cuidado com Golpes! Apesar de difícil, tente não parecer turista e se sinta a vontade de questionar o valor cobrado pelos taxistas. Não se sinta constrangido em dispensar o serviço. Eles geralmente cobram sempre mais caro do que o usualmente é cobrado e se você logo questionar o valor, eles vão caindo o preço até ficar mais interessante. Eu geralmente oferecia cerca de 70% do valor pedido inicialmente por eles (cheguei a esta conclusão aprendendo com um peruano, tio de um amigo meu, que nos acompanhou nos dois dias em Lima).

Em Lima os micro-onibus estão por toda parte, e seus cobradores saltando da porta pra fora e vice versa, na maior naturalidade, parecem nunca terem visto qualquer norma de segurança. Neste caso, os preços cobrados são muito baratos. Algo em torno de S/. 1,00 e S/. 2,00.

Dicas de Lima

“Microbus”

Lima tem muito pra ser mostrado e apreciado. Entre igrejas, conventos, parques e praças, está sua noite, que oferece muita diversão. O bairro Barranco é o mais boêmio tendo opções para todos os gostos. Em sites da rede, li sugestões tais como: Beba no Piscas e coma no Ayahuasca, mas me aventurei pelos pequenos bares da região de Miraflores e Barranco. A culinária peruana é uma das mais conceituadas hoje em dia, portanto come-se bem no Peru e em Lima, Um ceviche deve ser degustado assim como o sorvete de lúcuma.

Dicas de Lima

Igreja de São Francisco

Dicas de Lima

Parque La Muralla

Dicas de Lima

Plaza de Toros

Dicas de Lima

Praça do amor

Dicas de Lima

Praça Maior

Lima, assim como outras grandes cidades tem duas características distintas. O centro histórico com suas grandes casas coloniais, imponentes igrejas, conventos, catacumbas e museus estão conservados e as ruas ficam impressionantemente limpas. Do outro lado vemos a Lima moderna, com seus grandes edifícios e suas luzes infinitas de neon que encoraja a vida noturna.

Alguns pontos turísticos:

Catedral de Lima: Localizada em frente a praça maior;

Praça Maior: Ressaltamos a fonte em metal e bronze coroada com uma estátua de”Árgel de Fama;

Igreja de São Francisco: Onde estão localizadas as galerias subterrâneas ou catacumbas;

Convento de Santo Domingo: Convento mais velho da cidade;

Parque La Muralha: Parque Universitário: Iniciou-se quando as muralhas coloniais que cercavam Lima foram demolidas;

Shopping Larcomar em Miraflores;

Parque do amor;

O circuito mágico das águas: Contém um total de 13 fontes de água e deve ser visitada a noite.


Plaza de Toros: Terceira mais antiga praça de touros do mundo.

Clique abaixo e veja nossos posts do Peru:

Cusco – Tradição, turistas e muito mais.

Cusco – A magia de seus arredores.

Machu Pichu – Compra de tickets online e limites de venda.

Machu Pichu – Inacreditável e Fascinante.

Trilha Salkantay – Trekking alternativo para Machu Pichu.

Roteiro Peru 14 dias

Na seção Pé na Jaca (nossos casos engraçados) tem um link do Mirador de Rachi

Pé na Jaca – Será que salto?

Veja muito mais fotos na nossa galeria de fotos de Lima aqui abaixo:

Reserve seu hotel com a gente, vai!

booking banner post

Nosso blog tem parceria com a Booking.com. Uma reserva através do blog ajuda a mantê-lo pois ganhamos uma pequena comissão. O preço não altera e você pode contar com a qualidade Booking.com em suas reservas. Com cancelamento grátis! É muito simples e seguro.

Clique em :

Booking.com – Hoteis em Lima  pela Booking.com

Booking.com – Hoteis em qualquer lugar do Mundo 

Veja muito mais fotos na nossa galeria de fotos de Lima aqui abaixo:

Sobre o autor

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

1 comentário

Deixe um comentário

--