Machu Pichu

Machu Pichu – Inacreditável e fascinante!

Dicas de Machu Pichu
Escrito por Antonio JR

Dicas de Machu Pichu – Inacreditável e fascinante!

Machu Pichu! É tudo isso que dizem mesmo! Fantástica, inacreditável, misteriosa e fascinante! Certamente falharei se tentar passar para vocês através de fotos ou depoimento tudo que senti ou o que realmente significa estar naquele lugar. Reconhecida pela UNESCO patrimônio cultural e natural da humanidade e ainda eleita uma das novas sete maravilhas do mundo moderno, Machu Pichu tem muitos encantos.

Dicas de Machu Pichu

Parque de Machu Pichu

A cidade sagrada de Machu Pichu, que na língua quéchua quer dizer Montanha Velha, ou Santuário Histórico de Machu Pichu como hoje, oficialmente é chamado, foi o centro religioso e cultural do Império Inca sendo sua origem ainda é um mistério. Talvez esta mistura de beleza natural nos seus quase 2400m de altitude e todo esse mistério que roda sua história, seja o principal motivo que atraia todo ano turistas do mundo inteiro, além de faze-la um dos destinos mais famosos do planeta.

A cidade perdida Inca é um grande mistério por não se ter muito o que pesquisar. Não existe muita coisa escrita. O maior mistério é seu abandono, sendo (re) descoberta no início do século XX por Hiram Bingham, um historiador norte-americano.

Dicas de Machu Pichu

Parque de Machu Pichu

Dicas de Machu Pichu

Parque de Machu Pichu

Dicas de Machu Pichu

Parque de Machu Pichu

E este destino tão desejado, tem opções para todos os gostos e bolsos.

Minha aventura rumo a Machu Pichu começou em Cusco e contada em outro post. Acabei optando por fazer a trilha Salkantay pelo simples motivo de que não haviam vagas para a trilha Inca na época da minha viagem (veja mais abaixo todas as opções de ir para Machu Pichu). Esta trilha se estende por um dia a mais do que a Inca e sua beleza se destaca pelo maravilhoso ambiente natural por onde ela passa.

Depois de quatro dias na trilha chegamos em Águas Calientes, dormimos em um hostel que foi oferecido dentro do pacote comprado da trilha. Saímos às 4h da manhã e a escuridão era total. Assim começamos  o último dia de caminhada rumo à ruínas. Morro acima! O que se via era somente luzes de lanternas por todo trajeto e barulhos incontidos de respiração ofegante. Chegamos por volta de 06h30min e mesmo ainda escuro, já podíamos ver dezenas de turistas aguardando o momento de abertura dos portões do Instituto Cultural de Machu Pichu. O horário de abertura é às 7h e ficamos ali ansiosos pensando no que nos aguardava do lado de dentro daquele portão.

Dicas de Machu Pichu

Águas Calientes

Dicas de Machu Pichu

Águas Calientes

Entramos e rapidamente fomos em direção da entrada de WaynaPicchu. Não sei como funciona hoje, mas é importante saber que para subir até o topo desta montanha você precisa adquirir uma senha de entrada. São permitidas entradas de 400 pessoas (200 pessoas as 10 h e outras 200 as 14h). Assim sendo, atravessamos todo o parque com nosso guia em busca das tão cobiçadas senhas. Pronto! Senha na mão, momento de admirar. Só pra esclarecer nossos leitores, WaynaPicchu é maior montanha que está nas principais fotos que circulam em livros ou internet de Machu Pichu. A vista lá de cima, com dia claro, é DESLUMBRANTE.

Dicas de Machu Pichu

Montanha de Waynapicchu (a maior)

Vista de Waynapicchu

Vista de Waynapicchu

Dicas de Machu Pichu

subida de Waynapicchu

Durante o dia acompanhamos nosso guia por todos os lados. Acho importante se ter um para que nos sejam dadas todas as informações e história do local. Machu Pichu nos enche os olhos. A sua cultura, sua história, o comportamento e o estilo de vida dos Incas são deslumbrantes. Em todo momento pensamos como homens daquela época já dominava o conhecimento a ponto de edificar construções como aquelas. Um lugar inesquecível e sugiro também que sinta a energia que o lugar passa porque sentimos mais fortes e leves.  Não importa como se chega a Machu Pichu, seja vindo pela Trilha Salkantay, seja pela Trilha Inca ou simplesmente de trem, o mais importante é que as pessoas não deixem de vir conhecer esta maravilha que causa sensação forte, constante e sem dúvida eterna.

Dicas de Machu Pichu

Construções Inca

Dicas de Machu Pichu

Construções Inca

Dicas de Machu Pichu

Parque de Machu Pichu

 

Existem varias maneiras de se chegar a Machu Pichu. Saindo de Cusco, você tem a oportunidade de ir de trem ou, para os amantes de trekking e cavalgada, fazer uma das trilhas existentes e que lhe são oferecidas.  Lembre-se: sempre com guias credenciados.

Optando por trem, o ponto de partida é geralmente a cidade de Cusco. Existem trens ou táxis coletivos que fazem o trajeto até a cidade de Ollantaytambo que fica a quase 100 km de distancia e de onde partem os trens da empresa Inca Rail. Tempo de duração desta viagem é de aproximadamente 3 horas até o município de Águas Calientes que fica na base da montanha onde está o santuário.

Se preferirem sair mesmo de Cusco, o início da viagem começa em Poroy, cidade vizinha e muito próxima que é de onde partem os trens da empresa Peru Rail. Vão aqui dois links importantes para programar a viagem de trem. Primeiro observem o mapa para se situarem e depois definam o restante.

Seguem os links:

http://www.perurail.com/routes_and_maps.php?des=1 (Para detalhes de horários)  http://www.perurail.com/timetables.php?des=1.

Para a subida de Águas Calientes até o parque, micro-ônibus fazem este percurso de trinta em trinta minutos durante todo o dia.

Já que o assunto ainda é ir de trem, muitas pessoas escolhem fazer tudo isso em um dia inteiro, porém eu recomendo um tempo maior dentro do parque. Tem muito a ser visto, aprendido e sentido ali. Desta forma, sugiro que passe a noite em Águas Calientes, acorde cedo, suba para o parque e o desfrute o dia inteiro, desça no final de tarde para pegar o trem de volta para Cusco. O parque é estruturado, e dentro dele tem excelentes restaurantes caso queira almoçar. O preço é que não é muito convidativo e talvez uma boa opção é levar algo para comer durante todo o dia.

Caso a opção seja por uma aventura em trilhas peruanas, você deve se atentar somente à opção desejada. Existem várias formas e várias empresas que fazem este percurso.

Dicas de Machu Pichu

Companheiros de trilha

A opção mais desejada e procurada é a Trilha Inca. A data escolhida para a viagem, assim como a antecedência de reserva são muito importantes. Então, fazer a reserva com antecedência principalmente quando a época do ano escolhida for de alta temporada, é indispensável. Como existe limite diário de pessoas na trilha, as vagas são preenchidas com dias ou até meses de antecedência.

Um conselho para quem escolher esta opção: Não opte por épocas chuvosas que no Peru que se estendem de novembro a março. O mais gostoso é fazer em épocas frias, mas neste caso, a pessoa deve estar preparada e gostar de muito frio.

Clique abaixo e veja nossos posts do Peru:

Peru com filhos – Introdução de uma viagem mágica

Roteiro Peru 14 dias

Arequipa – A cidade branca entre os vulcões

O que fazer em Cusco com filhos

Cusco – Tradição, turistas e muito mais

Cusco – A magia de seus arredores

Lima – A modernização de uma cidade que não perde a tradição

Machu Pichu – Compra de tickets online e limites de venda

Machu Pichu – Inacreditável e Fascinante.

Machu Pichu com filhos – Tão amada, tão sonhada

Trilha Salkantay – Trekking alternativo para Machu Pichu.

Na seção Pé na Jaca (nossos casos engraçados) tem um link do Mirador de Rachi

Pé na Jaca – Será que salto?

Reserve seu hotel com a gente , vai! Sem custo adicional, claro!

Banner Booking horizontal 810x100Nosso blog tem parceria com a Booking.com. Uma reserva através do blog ajuda a mantê-lo pois ganhamos uma pequena comissão. É valido lembrar que o PREÇO NÃO ALTERA, ou seja, você não paga nada a mais por isso e você pode contar com a qualidade Booking.com em suas reservas. Com cancelamento grátis! É muito simples e seguro.

Escolha seu hotel clicando aqui:

Booking.com – Hotéis em Machu Pichu

Booking.com – Hoteis em qualquer lugar do Mundo 

Venha pra nossa Rede:

Facebook   Google+   Instagram

 

 

Veja nossa galeria de fotos:

 

Sobre o autor

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

8 Comentários

      • Antônio, boa noite!!

        Adorei seu relato, aguçou ainda mais minha vontade de conhecer Macchu Picchu. Vc poderia me tirar uma dúvida? qual a diferença entre as trilhas Inca e Salkantay? Uma seria melhor q a outra, ou contempla lugares mais bonitos? Fiquei na curiosidade!! bjs

        • Ei Amanda tudo bem? Sobre as trilhas são duas trilhas bem diferentes. A Inca tem mais informações sobre a civilização e a Salkantay envolve mais belezas naturais. Não conheço a trilha Inca porque não a fiz, somente por relatos e fotos. A Salkantay também é mais pesada e por também mais longa (um dia a mais). Na época optei pela Salkantay por não haver mais vagas na trilha Inca na época da viagem. Não me arrependi e tenho certeza que você gostará muito também.

  • Olá gente!
    Primeiramente parabenizo pelo trabalho que fiz em ajudar aos brasileiros que desejem conhecer Machu Picchu, quem escreve é um amante da cultura brasileira e graças a deus já teve a sorte de morar no Brasil por um bom tempo, agora voltei ao Peru – Cusco para mostrar a todos os brasileiros que desejem conhecer a terra dos incas.
    Se alguém deseja algumas dicas e recomendações pra a sua viagem, sera tudo um prazer ajuda-los em realizar o sonho de conhecer Machu Picchu Cusco, Lima, Lago titicaca, Arequipa, Nazca, Paracas, Puno, Trujillo e outros destinos que ainda não foram explorados pelo brasileiros.

  • Ola Antonio!!

    Primeiramente parabens, ótimas informações.

    Falar de Peru é certamente falar de Machu Picchu, um lugar incrível, maravilhoso para desfrutar uma e outra vez, nunca deixa de surpreender especialmente por a paz que ele transmite.

    Aqui algumas recomendações interessantes :

    – Na medida do possível, evitar visitas com grandes grupos de pessoas pois a sensibilidade do lugar que você está visitando vai se perdendo.
    – Quem quer olhar uma imagem mais completa deve subir até Huayna Picchu.
    – Faça o pernoite em Aguas Calientes pois poderá estar cedo em Machu Picchu e desfrutar do nascer do sol.

    PGT: Estamos a sua disposição para qualquer dúvida ou consulta.

    Muito obrigado…

  • Olá gente!
    Primeiramente parabenizo pelo trabalho que fiz em ajudar aos brasileiros que desejem conhecer Machu Picchu, quem escreve é um amante da cultura brasileira e graças a deus já teve a sorte de morar no Brasil por um bom tempo, agora voltei ao Peru – Cusco para mostrar a todos os brasileiros que desejem conhecer a terra dos incas.
    Se alguém deseja algumas dicas e recomendações pra a sua viagem, será tudo um prazer ajuda-los em realizar o sonho de conhecer Machu Picchu Cusco, Lima, Lago titicaca, Arequipa, Nazca, Paracas, Puno, Trujillo e outros destinos que ainda não foram explorados pelo brasileiros.

Deixe um comentário