Pamplona

Dicas de Pamplona. Não é apenas a festa de São Firmino

Dicas de Pamplona
Escrito por Antonio JR

Dicas de Pamplona

Pamplona faz parte do Pais Basco no norte da Espanha. Assim como algumas cidades espanholas e de fronteira, era uma cidade fortemente murada. Atualmente, de tamanho mediano, com 250 mil habitantes aproximadamente, possui uma característica de cidade pequena de interior e muito arborizada principalmente devido aos seus parques e também ao casco antigo ou, cidade antiga. É nela que a arquitetura colonial se apresenta em todas as suas ruelas e construções. Belíssima arquitetura das casas, museus e igrejas, juntamente com o comércio que ali se apresenta, deixa seu passeio muito mais agradável. Caminhar por Pamplona despretensiosamente é muito gostoso.

Dicas de Pamplona

Fachada das casas e a Catedral ao fundo – Dicas de Pamplona

 

Não é somente a área antiga da cidade que o turista deve conhecer. Pamplona é cheio de parques e a área moderna da cidade deixa deslumbrado quem tem o prazer de conhecê-la com um pouco de calma. Foi uma cidade que me agradou muito nos quase 4 dias que fiquei por lá (entre a ida para Saint Jean e a passagem por ela já estando no Caminho de Santiago).

Passei também por Pamplona no meu segundo dia do Caminho de Santiago. Se quiser saber mais pode clicar aqui:

Dicas de Pamplona

Rua de Pamplona – Dicas de Pamplona

Pamplona é uma cidade organizada e limpa. Tive a sensação de preocupação e cuidado com turistas e também com os moradores da cidade. Por ter três universidades, Pamplona possui muitos estudantes e isso deixa a cidade mais agitada, principalmente nos finais de semana onde o centro antigo fica repleto de estudantes e turistas. É divertido e recomendo.

Como chegar:

São várias formas de sair de Madri e chegar em Pamplona. Durante o dia inteiro tem ônibus e trens.

De Ônibus: Custo mais baixo e seis horas de viagem.

Saída da estação rodoviária – Visite o site das empresas Conda ou PLM.

Saída do T4 do Aeroporto Bajaras: Ônibus Premium 44,25 euros; Ônibus Normal 31,50 euros (ago/2014) – Empresa Alsa – Tempo de viagem 5 horas. Esta que compramos.

De Trem: É da estação Atocha que saem os trens para Pamplona. Então é necessário se locomover do aeroporto até esta estação. Mas é tudo muito simples. Do aeroporto, você pode seguir de táxi, metrô ou ônibus até esta estação. De táxi é o mais fácil e mais caro também. De ônibus é bem simples e saem do próprio aeroporto. De metrô também tem esta possibilidade saindo do aeroporto. Alinha não é a mesma então serão necessárias algumas baldeações.

De avião: Tem a possibilidade de você sair do Brasil com este trecho comprado. Você pode comprar indo até Pamplona ou comprar separadamente o trecho que faz Madri-Pamplona. Ou voo dura menos de uma hora. Rapidinho e claro, a opção com custo mais alto. O aeroporto fica pouco mais de cinco quilômetros da cidade e também possui voos de outras importantes cidades espanholas tais como Barcelona e Valência.

O que ver ou fazer:

Catedral de Santa María la Real: A catedral gótica francesa foi construído nos séculos 14 e 15, sobre as ruínas de uma catedral românica anterior. No século 18, foi adicionada uma fachada neoclássica. A torre norte detém o maior sino ainda em uso na Espanha, chamada Maria e pesando mais de dez toneladas.

Dicas de Pamplona

Catedral de Santa María la Real – Dicas de Pamplona

Os reis de Navarra eram coroados aqui, e alguns deles também enterrado. O sepulcro de Charles III. ‘Nobre’ e ??sua esposa Eleanor de Castela, marcada por esculturas de alabastro, ocupa uma posição de destaque na nave principal.

Iglesia de San Cernin: A igreja de San Cernin (San Saturnino), construído no século 13, possivelmente, sobre as ruínas de um templo romano dedicado a Diana, desempenhou um papel defensivo importante no momento em que a cidade de San Cernin, habitado por imigrantes franceses, era praticamente em um estado de guerra contra os outros dois bairros. O ‘Gallico de San Cernin’, um cata-vento em forma de galo no topo da torre principal, é um dos símbolos mais populares da cidade.

São Firmino: O festival, realizado entre os dias 6 e 14 de Julho de cada ano, celebra San Fermín, padroeiro de Pamplona. Também é descrita por Ernest Hemingway em seu romance, The Sun Also Rises. Talvez a parte mais famosa é o encierro, o touro de corrida, que é um evento repetido diariamente. Todas as manhãs (a partir da 7) às 8 da manhã um foguete (o chupinazo ou txupinazo) é baleado fora da torre da Iglesia de San Cernin, e os touros são executados através de uma série de ruas estreitas da cidade velha que leva à praça de touros , um traço 849 metros (não é preciso mais do que três minutos). Correndo diante deles estão milhares de corredores vestindo branco com lenços vermelhos, muitos deles levando jornais enrolados para fazer um sucesso ocasional em touros.

Se você está visitando Pamplona entre 6 e 14 de julho, você pode obter mais informações no site oficial das festas.

Castelo e Fortaleza – La Ciudadela: Construído entre 1571 e 1645, depois da conquista castelhana, a área é hoje o pulmão verde de Pamplona onde há parques e lindos jardins, salas de exposições e esculturas ao ar livre.

Dicas de Pamplona

La Ciudadela – Dicas de Pamplona

Dicas de Pamplona

La Ciudadela – Dicas de Pamplona

 

Parque de la Taconera: Pamplona tem muitos parques e áreas verdes, o mais antigo e indiscutivelmente o mais bonito deles é o Parque Taconera, criado em torno 1830 É um parque romântico, com passagens largas, esculturas e um pequeno recinto zoológico.

Outras dicas de Pamplona:

Plaza de Toros:

Dicas de Pamplona

Praza de touros Monumental de Pamplona – Dicas de Pamplona

Monumento da corrida dos Touros:

Dicas de Pamplona

Monumento da corrida dos touros

Mercado de Santo Domingo:

Dicas de Pamplona

Mercado de Santo Domingo – Dicas de Pamplona

Museu de Navarra:

Dicas de Pamplona

Museu de Navarra – Dicas de Pamplona

Não deixe de ir à La Navarrería para tomar uma cerveja e comer pintxos (uma espécie de tapas em basco).

Onde ficar:

Em ambas passagens por Pamplona eu já estava vivenciando o Caminho de Santiago, mesmo que, na primeira ainda não tivesse começado o caminho. Dessa forma, optei por ficar em albergue e também em albergue peregrino. De qualquer forma, Pamplona tem inúmeras possibilidades de hospedagens você pode pesquisar clicando aqui.

Veja posts de Madri:

– Roteiro 4 dias em Madri

– Museu do Prado

– Madri – Atrações Gratuitas

– Dicas de Madri – A caliente capital espanhola

Banner Página vendas 2

+Gol | +Voopter+Booking | +Hotéis.com | +Rentcars  | +Seguro Viagem  | +Ingressos  | +Guias | +Roteiros

Reserve seu hotel com a gente, vai.

Nosso blog tem parceria com a Booking.com e com +Hotéis.com. Uma reserva através do blog ajuda a mantê-lo pois ganhamos uma pequena comissão. O preço não altera e você pode contar com a qualidade dessas empresas em suas reservas. Com cancelamento grátis! É muito simples e seguro. Clique em :

Booking.com – Hoteis em Pamplona  pela Booking.com

Booking.com – Hoteis em qualquer lugar do Mundo 

Venha pra nossa Rede:

Facebook   Google+   Instagram

Referências e mais sobre Pamplona: Enforex

Veja mais fotos de Pamplona:

Sobre o autor

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

Deixe um comentário