Caminho de Santiago Destaques e Filosofia

O Caminho de Santiago – 15 destaques

O Caminho de Santiago
Escrito por Antonio JR

O Caminho de Santiago – 15 destaques

O Caminho todo é um espetáculo! Muita beleza, cultura e tradição. É difícil elencar algumas atrações “imperdíveis” mas essa listinha vale para você, quando se programar, deixar um tempinho extra nesses locais que acredito ter algo que não possa ser deixado para trás.

1 – SJPP (Saint Jean Pied-de-Port)

A Bela cidadezinha do oeste da França é um dos locais de partida preferido dos peregrinos. SJPP possui uma atmosfera que motiva  os caminhantes. Estando na cidade, você já começa a sentir uma energia positiva que irá percorrer, juntamente contigo, todos os quilômetros do caminho.

Os Pirineus fazem parte de um outro lindo capítulo e talvez por esse motivo muitos peregrinos prefiram partir dessa bela e simpática cidadezinha francesa.  A Igreja de Notre Dame e o portal são atrações da Rue de la Citadelle, aquela rua onde a grande maioria dos peregrinos fotografam sua partida. Nessa rua são inúmeras construções do séc XVIII que dá mais charme ao local.

O Caminho de Santiago

Saint Jean Pied de Port

2 – Pamplona

Pamplona, famosa pela Festa de São Firmino, é uma bela e acolhedora cidade. Tanto em sua área histórica quanto em sua área moderna, Pamplona se apresenta com forte identidade. Na área central e histórica com belas construções antigas, ruas e monumentos bem conservados. Sua parte moderna se apresenta forte na questão ecológica e é também chamada de pulmão da Espanha.

O Caminho de Santiago

Pamplona

3 – Alto do Perdão

Há aproximadamente 15 quilômetros de Pamplona, logo depois de passar por Zariquiegui, uma forte subida nos leva ao Alto do Perdão, outro famoso ponto do Caminho. Além do Monumento ao peregrino, os moinhos de vento também nos dão boas vindas. Ele está a aproximadamente 700 mts de altitude e o vento forte é uma característica. Lá está a frase:  “Onde se cruza o caminho do vento com o das estrelas”.

O Caminho de Santiago

Alto do Perdão

4 – Puente La Reina

Outro marco do Caminho. Essa cidade possui esse nome devido à maravilhosa ponte de pedra medieval, estilo românico com seis belos e perfeitos arcos, cuja construção ordenada no século XI. Nesta ponte unifica-se o Caminho Aragonés e o Caminho Francês.

O Caminho de Santiago

Puente La Reina

5 – Santo Domingo de La Calzada

Em Santo Domingo de La Calzada, um galo e uma galinha são tradicionalmente mantidos vivos. Estão juntos em um galinheiro com alambrado estilo gótico próximo ao altar. A cada vinte dias, as aves são trocadas. Ficam expostas somente entre o período de 25 de abril a 13 de outubro. Ao entrar na igreja, se você ouvir o galo cantar, é um sinal que a sua peregrinação será bem sucedida. Isso se deve ao milagre da galinha (leia a história clicando aqui).

O Caminho de Santiago

Santo Domingo de La Calzada

6 – Albergue de Acácio e Orietta

Em Viloria de Rioja, está o famoso albergue de Acácio e Orietta. Sempre dando orientação e ajuda aos inúmeros brasileiros que passam pelo caminho. Um conselho é pernoitar por lá (reservar) ou passar já depois das 15h pois eles descansam até este horário. Não tive a sorte de conhecê-los pois estavam descansando.

O Caminho de Santiago

7 – Burgos

A grande cidade de Burgos merece mais tempo para conhecê-la. Não deixe Burgos como uma cidade apenas de passagem. São muitos atrativos e a principal delas é a imensa Catedral Gótica.

O Caminho de Santiago

8 – Convento de San Antón

Maravilhoso. No meio da estrada. Você vai ficando deslumbrado com a aproximação da construção. Uma pausa que deve ser feita a qualquer custo. As ruínas do antigo convento de San Antón do século XIV. O caminho passa por baixo de seus arcos, e depois entra na cidade Castrojeriz. 

O Caminho de Santiago

Convento de San Antón

8 – León

Outra grande cidade do Caminho. A praça principal onde se encontra a Catedral de León, é bela e movimentada. A cidade possui vários atrativos e caminhadas pelas ruas do seu centro histórico é fascinante. Lojas, restaurantes e cafés espalhados por toda parte.

O Caminho de Santiago

Praça central de León

9 – Astorga

Astorga é, sem dúvida, um dos lugares mais importantes da rota. Este é o lugar onde dois caminhos de peregrinação se encontram: o Caminho Francês e o meet Vía de la Plata. De acordo com os primeiros escritos, Astorga costumava ter 25 refúgios na Idade Média.

Um dos pontos turísticos mais importantes em Astorga é o Palácio Episcopal desenhado por Gaudí, que hoje abriga o Museo de los Caminos. A construção desse palácio começou em 1889 e por falta de pagamento Gaudi não finalizou a construção.

O Caminho de Santiago

Astorga

10 – Cruz de Ferro

Outro símbolo do Caminho. De acordo com as tradições, os peregrinos trazem pedras de casa ou retira durante o caminho para deixá-las aqui perto da cruz e fazer seus desejos ou se livrar de uma grande carga negativa. O lugar, sem dúvida, traz à tona sentimentos profundos.

Acredito que praticamente todos aqueles que se envolvem com o caminho espiritualmente e religiosamente acabam entendendo esse significado.

O Caminho de Santiago

Cruz de Ferro

11 – Castelo de Ponferrada

Castillo de los Templarios foi construído no século 13 pertenceu à Ordem dos Cavaleiros Templários. A principal tarefa da ordem era proteger os peregrinos que passam através da área de El Bierzo. Segundo a lenda, os Templários estavam com necessidade de madeira, enquanto a construção do castelo. Quando eles estavam prestes a cortar uma árvore de carvalho em particular, ela partiu em dois, revelando um nicho escondendo a estátua da Virgem Maria e o Menino Jesus. Hoje a estátua pode ser vista dentro da Basílica de la Encina.

O Caminho de Santiago

Castelo de Ponferrada

12 – O Cebreiro

O Cebreiro, já em 1072 já tinha refúgios de peregrinos. Atualmente ainda é um pequenina vila com poucas casas em pedras. O rigoroso frio no inverno e uma área com muitas chuvas e tempestades, não apetece as pessoas a viverem lá mas os peregrinos sentem uma energia muito positiva.

No Cebreiro está a Iglesia de Santa Maria. A história dessa igreja retrata um milagre. Durante a idade Média o Santo Graal foi mantido lá e foi usado em missas. Em uma ocasião, um morador, em meio à tempestade de neve na montanha, se direcionou ao Cebreiro para assistir a missa. Era o único presente e a missa foi celebrada para ele. Por ele ter feito isso, deu-se ao morador um pedaço de pão e um gole de vinho ao final da cerimônia. Naquele momento, o pão se transformou em carne e o vinho no sangue.  Os restos de sangue e carne ainda é mantido na igreja em um relicário de prata.

O Caminho de Santiago

Cebreiro

13 – Monte del Gozo

É onde podemos avistar as torres da Catedral de Santiago pela primeira vez. Neste local estão as estátuas de dois peregrinos. Com a chegada se aproximando este momento é de intensa adrenalina e ansiedade.

O Caminho de Santiago

Monumento ao Peregrino

14 – Santiago de Compostela

Redundante! Mas tenho que colocá-la na lista. É a chegada de todos aqueles que se propuseram a caminhar ou pedalar por centenas de quilômetros. É a recompensa pelo esforço e o premio por passarem dias e mais dias caminhando, conhecendo pessoas, pensando na sua vida ou nas batalhas do dia a dia em suas casas.

É um momento único chegar à Catedral de Santiago e assistir a missa ao peregrino. Com sorte, ainda ver o botafumero em ação. Sublime e adorável! As emoções afloram nesse momento e tudo aquilo vivido dias atrás já começam a se transformar em lembranças e aprendizado que carregaremos por toda a vida.

O Caminho de Santiago

Catedral de Santiago

BONUS: 15 – Finisterra

Para os ocidentais, Finisterra era o ponto mais ao ocidente do planeta antes da descoberta das Américas. É o ponto final para aqueles que preferem continuar caminhando após a chegada a Santiago. Também é itinerário Jacobeo.

Finisterra é bela e presenciar a imensidão do mar naquele momento euforia e satisfação pelo dever cumprido dá a sensação de lavarmos a alma. Mais um momento de boa reflexão.

Se você já fez o Caminho e quer compartilhar conosco algum ponto importante do Caminho Francês de Santiago de Compostela, deixe nos comentários. Teremos um grande prazer em saber!

Reserve seu hotel com a gente, vai.

Nosso blog tem parceria com a Booking.com. Uma reserva através do blog ajuda a mantê-lo pois ganhamos uma pequena comissão. O preço não altera e você pode contar com a qualidade Booking.com em suas reservas. Com cancelamento grátis! É muito simples e seguro.

Clique em :

Booking.com – Hoteis em qualquer lugar do Mundo 

Venha pra nossa Rede:

Facebook   Google+   Instagram

Veja tudo sobre o Caminho de Santiago:

Caminho-01

Clique e veja nossos posts

Caminho-02

Clique e veja nossos posts

Caminho-03

Clique e veja nossos posts

Sobre o autor

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

2 Comentários

  • Antônio, voltei a reler seus posts sobre o Caminho.
    Pretendo fazê-lo em abril do próximo ano, 2018. A ansiedade é tanta que vez ou outra já me pego planejando de alguma forma. Provavelmente irei fazer apenas parte do caminho francês, partindo de Burgos ou León.

    Parabéns pelos textos

    • Olá Vivian, tudo joia?

      Que excelente notícia. Vou em abril de 2017 de novo. Dessa vez a pé! Se precisar de qualquer dica é só chamar, ok?

      Grande abraço e Buen Camino!

Deixe um comentário

--