Montevidéu

Transportes em Montevidéu. Formas de Conhecer a cidade

Transportes em Montevidéu
Escrito por Antonio JR

Transportes em Montevidéu. Conhecendo a cidade

Montevidéu é uma grande cidade com algumas características de cidade média. É uma cidade que não possui metrô e todo processo de locomoção pode ser feito a pé, em ônibus (linha ou turístico) ou carro (próprio ou táxi). Veja abaixo os transportes em Montevidéu.

A cidade é muito organizada e podemos chegar facilmente com qualquer meio escolhido. É claro que a pé você não conseguirá chegar em todos pontos que indicamos nos nossos posts do que fazer em Montevidéu em curto espaço de tempo.

Então vamos a eles?

1 – A pé

Você pode circular pelo centro de Montevidéu, pela Cidade Velha ou pelo bairro Pocitos. Em todos os casos você vai curtir bastante pelo simples fato de Montevidéu ser uma delicia de cidade. Mesmo estando com meu filhote optamos por percorrer esses bairros a pé. É normal que o viajante se hospede em Pocitos ou no Centro e começar a caminhada pelo bairro que está hospedado já traz um grande benefício.

Uma boa combinação é usar o ônibus Descubra Montevidéu com caminhadas pelo bairros.

Transporte em Montevidéu

Caminhando pela Rambla – Transportes emMontevidéu

Transporte em Montevidéu

Caminhando – Transportes em Montevidéu

Transporte em Montevidéu

Caminhando – Transportes em Montevidéu

2 – Ônibus Turístico

São aqueles ônibus hop on/hop off com vista panorâmica. Utilizamos no primeiro dia e fomos intercalando com caminhadas pelo local. A empresa é Descobrí Montevideo. Ele percorre toda a cidade passando por várias ruas e parando nos principais pontos turísticos. Você a possibilidade de descer e pegar o próximo. Assim, você pode ir conhecendo tudo com mais calma.

Transporte em Montevidéu

Ônibus turístico – Transportes em Montevidéu

Transporte em Montevidéu

Diversão no ônibus turístico – Transportes em Mntevidéu

Transporte em Montevidéu

Diversão no ônibus turístico – Transportes em Montevidéu

Existem dois bilhetes. Um de 24 e outro de 48 horas. No caso de dúvidas quanto ao meio de transporte e se orçamento não for um grande problema, compre o de 48 horas e utilize em dois dias. Ficará com tempo mais adequado pois conseguirá parar em todas as atrações, se desejar. Como não há tempo suficiente para descer em todas em um único dia, comprar outro ticket no dia seguinte fará você pagar mais caro por isso. O preço para 24 horas é de 546 pesos e de 48h, 840 pesos (isso em novembro de 2015 e o câmbio – 1 real=7,7o pesos uruguaios. Veja as duas tarifas clicando aqui

Esclarecendo mais um pouco: Todo o trajeto feito por esse ônibus é feito em aproximadamente 2 horas e meia. São 11 paradas ao todo e ele passa de hora em hora (veja os horários). Não tem como você descer em todas essas paradas e pegar o próximo. Por isso, se comprar e quiser utilizar somente um ticket para um dia, escolha as paradas que mais lhe interessa. Você pode deixar para fazer com mais calma seu roteiro pelo Centro e Cidade Velha em outro dia, desta forma não necessitaria descer nas Paradas 1 e 2 por exemplo. Baixe o mapa aqui em PDF.

Transporte em Montevidéu

Mapa do ônibus Turístico – Transportes em Montevidéu

3 – Táxi

Utilizamos muito no nosso segundo dia. Fomos em lugares mais distnates de onde ficamos e acabamos utilizando como meio de transporte nesse dia. As “corridas” ficaram entre 160 e 190 pesos uruguaios. Acabamos utilizando por três vezes pois fomos de Pocitos ao Mercado Agrícola, do Palácio Legislativo até o Estádio Centenário e do Estádio centenário para Pocitos.

Como havíamos uma programação já definida (veja nosso post roteiro de 3 dias em Montevidéu) foi fácil fazer as contas e ver que sairia mais barato utilizarmos o táxi do que comprar um novo bilhete de 24 horas do ônibus turístico ou ter comprado um de 48h no dia anterior.

O táxi circula por todos os lados e nos três casos que mencionei, tivemos muita sorte com os taxistas que foram solícitos e agradáveis.

4 – Carro Alugado

Aluguei o carro para o terceiro dia. Neste dia fomos ao Parque Rodó e iríamos para duas vinícolas mais afastadas, a Bouza e a Juanicó. Como houve um atraso na entrega do carro, perdemos a visita guia Bouza mas não deixamos de ir para a Juanicó (veja aqui nosso post da Visita guiada a vinícola Juanicó)

Montevidéu é um excelente lugar para se locomover de carro. As ramblas ajudam os motoristas a se situarem na cidade. As ruas largas e o volume de carro não tão grande quanto aos que encontramos em grandes centros do Brasil.

Transporte em Montevidéu

Carros Alugados – Transportes em Montevidéu

Aluguei meu carro pela Rentalcars.com.br e tive um probleminha na hora de definir algumas coisas sobre o seguro do carro. A empresa escolhida foi a AVIS e algumas informações não estavam claras na retirada do carro. Além disso o fato em que esqueci o cartão de crédito no hotel também atrasou pois as transações teriam que ser feitas no cartão do meu primo e o valor da caução de retirada sem um seguro é alto, 3mil dólares. Isso em dois carros seriam 6 mil e o limite do meu primo não passou. Fizemos um com seguro e o outro seguimos o que é informado na contratação de um cartão de crédito Platinum – que o cartão possui um seguro para aluguel de veículos em qualquer local do mundo.

Não vi dificuldade nenhuma em dirigir em Montevidéu. Tudo sinalizado e como as ruas são largas, o congestionamento só se dá em maior escala nos horários de rush. Estacionar na Cidade Velha e no Centro parece mais complicado e não vi muitos estacionamentos. Acredito que mesmo com o carro alugado, rodar esses dois bairros a pé se faz necessário.

Alugamos os carros para também seguir para o interior do País. Como o plano era conhecer Punta del Este e Casa Pueblo além de Punta del Diablo e o vilarejo de Cabo Polônio, estar de posse de um carro fez as coisas ficarem bem mais simples. Sem contar que eu estava em um grupo com duas crianças. Recomendo!

Além desse Post ” Transportes em Montevidéu – Como conhecer a cidade ” veja também:

Pré roteiro Uruguai 7 dias

Dicas do Uruguai para sua primeira viagem

Uruguai com crianças

Montevidéu Roteiro de 3 dias

O que fazer em Montevidéu – Dicas dos bairros

Onde ficar em Montevidéu

Vinícolas em Montevidéu – Visita guiada Bodega Juanicó

Casa Pueblo (Punta Ballena)

O que fazer em Punta del Este

Dicas de Punta del Diablo

Dicas de Cabo Polonio

Dicas de Colônia do Sacramento – Delícia de Aconchego

Colonia do Sacramento. Quais são as maneiras de conhecê-la saindo por Buenos Aires

5 – Ônibus de Linha

Não utilizei. Até curto pegar esses ônibus locais e rodar por alguns lugares mas dessa vez dispensei esse serviço pois já estava como toda minha localização planejada conforme descrito acima.

Montevidéu tem um excelente sistema de ônibus devido a uma ação do governo que criou o Sistema de Transporte Metropolitano (STM) o que deixou o acesso mais integrado e fácil de usar.

Bonus: Outra (ótima) possibilidade:

6 – Bike

Quem acompanha o blog há algum tempo sabe que eu particularmente adoro bicicletas. Faço viagens de cicloturismo e tenho a bike como um atividade física no meu cotidiano. Confesso que nas viagens que faço pouco tenho usado desse serviço e foi o mesmo em Montevidéu.

O fato da viagem ter sido com meu pequeno também dificultou alguma possibilidade de percorrer as ruas da cidade montado em um veículo de duas rodas mas acredito que isso possa ser pensado para você, caso goste de pedalar.

Transporte em Montevidéu

Aluguéis de bicicleta – Transportes em Montevidéu

A cidade é plana e tem calçadas largas nas ramblas. Isso facilita demais a vida dos ciclistas e a percorrer a cidade conhecendo seus principais pontos turísticos.

Na cidade existem serviços de alugueis de bicicleta tais como:

Bike Tours Uruguay
Biking Uruguay
Orange Bike

Como não utilizei o serviço não posso falar a respeito das empresas acima citada. Sugiro que deem uma olhada nos sites e escolha a de sua preferência.

Sobre o autor

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

4 Comentários

  • A minha passagem pela cidade foi muito rápida, mas adorei o fato de ser uma cidade boa para andar (adoro cidades assim) e fiquei com vontade de testar a bicicleta também 🙂

    • Olá, tudo joia? Então… De Buenos Aires para Montevidéus é simples pois há um Ferry que faz o trajeto. Uma ótima alternativa para quem quer dar uma passeada por Montevidéu ou Colonia do Sacramento estando em Buenos Aires. Agora, para Punta del Leste você terá mais umas 3 horas de viagem além de Montevidéu. Com carro alugado um tempo um pouco menor. Tudo depende do tempo que você terá disponível em sua viagem. Para conhecer Punta, sugiro no minimo dois dias. Ou seja, o minimo de tempo para fazer tudo seriam 3 dias na maior correria. 4 dias o ideal. Veja nossos posts de Montevidéu, Buenos Aires (inclusive falando do Ferry) e Punta del Leste.

      Grande abraço.
      Antonio JR.

Deixe um comentário

--